20.12.13

on the edge

Muitas ideias e sentimentos. Tudo muito confuso, muito misturado. De uma vez só. Os papéis todos invertidos, mais aquele sentimento esquisito, surpreso.
E de repente, me lembrei. De tudo que eu já havia sonhado, de tudo que me aterrorizava, de tudo que eu passei infância remoendo. Pânico. Nem consegui pensar ou conter. Só me deixei invadir, e solucei, e solucei. Escorria muito rápido e minha cabeça girava mais rápido ainda. Não conseguia enxergar, os olhos apertados e o corpo amarrado. 
Voltei a respirar. Foi doendo menos e fui ficando mais sensata. Me contive. 
E os papéis estavam nos mesmos lugares de sempre de novo.
Existe mais do que você pode ver. 
Eu poderia sentir menos? Ou me sentir menos?

0  +:

Postar um comentário