9.6.11

gonna catch a cold from the ice inside your soul

foi sentada em nosso lugar que eu percebi. não existia mais nada ali para nós. a alegria não reinava mais e o que restava era uma dor que latejava silenciosa no fundo do meu peito. como quando um grande amor se acaba e não sabemos o que fazer com os restos daquilo tudo que um dia foi tão imenso. eu não tinha certeza se você notava, mas aquela percepção bateu louca naquele instante. ri desesperada até começar a chorar de fato.

não sei o que é essa coisa que eu carrego comigo. esse peso, esse incômodo. mas sei que quando o dia nasce, o pesadelo termina. e fico só, torcendo para que o sol apareça logo.

1  +:

Anônimo disse...

pra mim, fez muito sentido.

Postar um comentário