3.3.10

um certo dia 19

lembro da primeira vez que eu te vi. falei pra uma amiga em comum que tinha te achado feio. um tempo depois, você vivia enchendo o meu saco. pegava sempre o meu celular pra escrever "emo" na tela inicial, e eu ia lá e apagava. cinco minutos depois você pedia o meu celular e eu dava ele de novo pra você. e assim foi, durante muito tempo. eu chegava em casa, depois de passar a manhã inteira com você, e adivinha quem sempre vinha me dar 'oi' no msn? pois é. eu costumava brincar que você não conseguia viver sem mim...

esses dias, em um surto de nostalgia, me peguei lendo seus scraps antigos de 2006, 2007 e etc. reparei em como existia algo entre a gente, mesmo você tendo namorada, e eu tendo um namorado. a gente sempre se deu muito bem, desde as brincadeiras imbecis, até as nossas briguinhas bobas. lembro de como eu me preocupava com você e de como conversávamos por muito tempo quando você chegava meio cabisbaixo. lembro do quanto eu ficava feliz por te "ajudar". e você sempre ia embora melhor, no final das contas.

tenho memórias de quando passávamos a manhã e a tarde juntos, e a noite inteira conversando pelo msn. lembro de chegar mais cedo e ficar te esperando na arquibancada... você chegava, deitava no meu colo e ficávamos uma hora e meia conversando, rindo e passando frio.

nunca vou esquecer da virada do ano 2007-2008. meu celular tocava o dia inteiro recebendo sms suas. gastei muito dinheiro com celular naquele ano novo, mas não me arrependo de nenhum centavo. lembro até de uma em particular que dizia "mas você é minha namorada", e de como meu coração disparou ao ler isso.

só decidi te escrever isso para que você nunca pense, nem por um segundo, que eu me esqueci. levo tudo que é especial dentro do meu coração, menino. inclusive você.

0  +:

Postar um comentário