19.10.09

rest in peaces

O cravo saiu ferido e a rosa, despedaçada.


Me sinto a rosa. Despedaçada.

0  +:

Postar um comentário